Ebook: Alimentação Vegetariana & Desporto | AVP - Associação Vegetariana Portuguesa
ebook desporto alimentacaoveg mockup 1

eBook - Alimentação Vegetariana & Desporto

O Ebook com tudo o que precisas de saber sobre os princípios de uma alimentação vegetariana saudável caso sejas atleta ou pratiques desporto. Inclui estratégias nutricionais, planos alimentares tipo, dicas, e muitos mais. E é completamente gratuito!

Claro que me levou uns tempos para aprender como gerir a minha alimentação enquanto vegan, mas nunca tive problemas de energia, nem deixei de treinar como antes. Daí ter decidido ajudar outras pessoas a fazer a mesma transição. Em conclusão, não acho que uma pessoa tem que ser 100% vegan para ser saudável. Contudo se queremos contribuir minimamente e ter um impacto positivo para salvar o nosso planeta e grande parte dos nossos queridos animais, então sim, a maneira mais sustentável de o fazer é tornar-se 100% vegan ou “plant-based”, como eu fiz.

Miguel Caçador (Miguel The Vegan)

Personal trainer

Do dia para a noite, tornei-me vegan, porque para mim deixou de fazer sentido comer produtos de origem animal por razões de ética animal e sustentabilidade ambiental. Pensei que a transição ia ser difícil. Na verdade não foi! Apenas substituí a proteína de origem animal por proteína de origem vegetal e descobri até muitos alimentos que todos deveriam consumir; a minha dieta tornou-se muito mais variada. Ao nível da performance, senti que a minha recuperação melhorou, já não ficava tão dorido. Não necessariamente por ser vegan mas por seguir uma dieta ainda mais saudável.

Rafael Pinto

Bodybuilder

Miguel Caçador (Miguel The Vegan)

Claro que me levou uns tempos para aprender como gerir a minha alimentação enquanto vegan, mas nunca tive problemas de energia, nem deixei de treinar como antes. Daí ter decidido ajudar outras pessoas a fazer a mesma transição. Em conclusão, não acho que uma pessoa tem que ser 100% vegan para ser saudável. Contudo se queremos contribuir minimamente e ter um impacto positivo para salvar o nosso planeta e grande parte dos nossos queridos animais, então sim, a maneira mais sustentável de o fazer é tornar-se 100% vegan ou “plant-based”, como eu fiz.

Miguel Caçador (Miguel The Vegan)

Personal trainer

Do dia para a noite, tornei-me vegan, porque para mim deixou de fazer sentido comer produtos de origem animal por razões de ética animal e sustentabilidade ambiental. Pensei que a transição ia ser difícil. Na verdade não foi! Apenas substituí a proteína de origem animal por proteína de origem vegetal e descobri até muitos alimentos que todos deveriam consumir; a minha dieta tornou-se muito mais variada. Ao nível da performance, senti que a minha recuperação melhorou, já não ficava tão dorido. Não necessariamente por ser vegan mas por seguir uma dieta ainda mais saudável.

Rafael Pinto

Bodybuilder

O que inclui o eBook?

Ainda com dúvidas se a alimentação vegetariana é adequada a um desportista ou a um atleta de competição? Vamos ajudar-te a tirar algumas dúvidas!

Várias estratégias nutricionais podem ser adaptadas antes, durante e após o exercício de
modo a promover as adaptações induzidas pelo treino e a recuperação que se sucede.

Achas que as proteínas vegetais não são tão boas como as proteínas animais, ou que vais ficar sem força ao deixar carne? Desconstruímos alguns dos principais mitos! 

Se não bastarem as internacionalizações, o lugar entre as melhores atletas nacionais no ranking UCI ou aos 39 anos estar a disputar campeonatos nacionais entre as atletas elites e a partilhar pódio com “meninas” quase 20 anos mais jovens, para atestar que está tudo bem comigo e com o meu rendimento físico, então não sei o que mais é preciso para mostrar que estou bem e que a minha saúde recomenda-se."

Ilda Pereira

Atleta de BTT

Sou praticante de Crossfit e Vegan há cerca de 7 anos! Para mim é uma alimentação que me deixa pronta para treinar a qualquer momento, sem sentir que estou cheia ou pesada. Consigo recuperar de uma sessão para a outra bem e sentir que estou pronta para mais! E como qualquer outro regime alimentar, se cumprirmos e formos seguidos por algum profissional, não vejo porque não podemos todos fazer um esforço para pelo menos tirarmos um dia todos os produtos animais dos
nossos pratos.

Patrícia Simões

Atleta de Crossfit

Se não bastarem as internacionalizações, o lugar entre as melhores atletas nacionais no ranking UCI ou aos 39 anos estar a disputar campeonatos nacionais entre as atletas elites e a partilhar pódio com “meninas” quase 20 anos mais jovens, para atestar que está tudo bem comigo e com o meu rendimento físico, então não sei o que mais é preciso para mostrar que estou bem e que a minha saúde recomenda-se."

Ilda Pereira, atleta de BTT

Descarrega Gratuitamente!

Nota: Ao aceitares a nossa Política de Privacidade, consentes que a informação fornecida seja armazenada pela Associação Vegetariana Portuguesa (AVP), e aceitas receber atualizações e notícias de email da AVP. Poderás revogar o teu consentimento em qualquer altura no futuro, enviando email para info@avp.org.pt.

Subscreve

a Newsletter

Não percas um grão do que se passa!