fbpx

Palitana, na Índia, é a primeira “Cidade Vegetariana” do mundo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Palitana, em Gujarat, na Índia foi apelidada de primeira “Cidade Vegetariana” do mundo após o seu governo proibir o abate de animais em 2014.

A proibição seguiu-se aos protestos de cerca de 200 monges jaínistas que entraram em greve de fome para mostrar que preferiam a sua própria morte a permitir o massacre e consumo contínuo de animais.

Religião

Há cerca de quarto a cinco milhões de pessoas na Índia que seguem a religião jaínista e que se opõem directamente à crueldade contra os animais.

O jaínismo, tradicionalmente conhecido como Jain Dharma, acredita que animais e plantas, assim como seres humanos têm almas vivas. Portanto os jaínistas seguem uma dieta estritamente vegetariana.

“Cada uma dessas almas é considerada de igual valor e deve ser tratada com respeito e compaixão. A essência do jainismo é a preocupação pelo bem-estar de todos os seres vivos e pela saúde do próprio universo”, afirma o site da BBC.

O Direito à Vida

De acordo com a “Mercy for Animals”, Virat Sagar Maharaj, um praticante monge jaínista disse: “Todos neste mundo, sejam animais, seres humanos ou uma criatura muito pequena, receberam o direito de viver por Deus.”

Contudo, a cidade não é vegan, uma vez que o consumo de leite ainda é legal.

Artigo original:https://www.plantbasednews.org/post/palitana-worlds-first-vegetarian-city

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Este artigo foi útil?

Considera fazer um pequeno donativo!

A AVP é uma organização sem fins lucrativos. Ao fazeres um donativo, estarás a ajudar-nos a desenvolver o nosso trabalho em prol dos animais, da sustentabilidade e da saúde humana. Muito obrigado!       

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreve a Newsletter!