PETA galardoa uma investigadora portuguesa que está a criar alternativas aos testes em animais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Patrícia Zoio, estudante de doutoramento da Universidade Nova de Lisboa, foi a vencedora do Prémio para Cientistas em Início de Carreira da PETA Consórcio Internacional de Ciência. Este prémio vai financiar a participação da Patrícia no curso de verão do Centro Comum de Investigação (CCI) da Comissão Europeia, que irá decorrer em Ispra (Itália) de 21 a 24 de Maio deste ano. Os participantes deste curso vão explorar os últimos desenvolvimentos na área da experimentação científica sem recurso a animais assistindo a palestras e sessões interativas, e participando numa visita ao Laboratório de Referência Europeu para alternativas aos testes em animais.

Patrícia faz parte, desde 2016, do Laboratório de Diagnóstico Biomolecular, liderado por Abel González Olivado e parte do Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier (ITQB NOVA). No seu projecto de doutoramento, a Patrícia está a desenvolver um modelo artificial de pele num chip que poderá substituir o uso de animais nos testes de fármacos dermatológicos.

Artigo original: https://www.peta.org/blog/peta-scientists-animal-free-toxicity-testing-awards/

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Este artigo foi útil?

Considera fazer um pequeno donativo!

A AVP é uma organização sem fins lucrativos. Ao fazeres um donativo, estarás a ajudar-nos a desenvolver o nosso trabalho em prol dos animais, da sustentabilidade e da saúde humana. Muito obrigado!       

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreve a Newsletter!

Subscreve

a Newsletter

Não percas um grão do que se passa!