Associação Vegetariana Portuguesa, autor em AVP - Associação Vegetariana Portuguesa

Associação Vegetariana Portuguesa

A AVP é uma organização sem fins lucrativos que promove uma alimentação vegetariana.

Antigos produtores de laticínios deixam de matar vacas e passam a produzir bebida de aveia

A empresa agrícola Bradley Nook Farm costumava produzir laticínios, passando depois a produzir carne de vaca biológica. No entanto, o dono Jay Wilde deixou de conseguir ser o responsável pelo abate de vacas.
Dois antigos produtores de laticínios que deixaram de ser capazes de mandar animais para o abate lançaram agora bebida de aveia disponível em garrafas de vidro reutilizáveis, segundo o Plant Based News.

Emenda 171 e a Censura às Alternativas Vegetais aos Lacticínios: o que dizem os Portugueses?

O Parlamento Europeu votou a favor da Emenda 171 à Política Agrícola Comum, visando aumentar as restrições à designação de alternativas vegetarianas aos lacticínios. Isso incluiria a proibição de de frases como “não contém leite” ou “alternativa ao queijo, de origem vegetal”, o que apenas contribui para gerar confusão no consumidor. Queremos travar a alteração 171 à Política Agrícola Comum!

O fim da carne está mais próximo do que se pensa

Imagina duas indústrias. A primeira está cada vez mais associada, aos olhos do consumidor, a doenças e sujidade. Não só está a maioria do seu produto coberto de fezes, injetado com grandes quantidades de antibióticos, e associado a um elevado risco de doenças cardiovasculares e cancro, como agora os seus trabalhadores estão a testar, em massa, positivo para o corona vírus, e a cadeia de fornecimento está em sofrimento.

Jon Stewart tornou-se vegano por causa de porcos com “personalidade”

O antigo apresentador do programa “The Daily Show” tornou-se totalmente vegano graças à sua mulher, Tracey Stewart, e à sua compaixão pelos animais. Jon Stewart é vegano por razões éticas e de saúde. A percepção de que os porcos têm personalidades distintas – e o facto de ter trabalhado na abertura de um santuário animal – contribuiu para que Jon Stewart mudasse a sua alimentação para uma dieta vegana.

Será mesmo que “84% dos veganos e vegetarianos voltam atrás na sua decisão e voltam a comer carne”?

Quando em 2014 a Faunalytics investigou a recaída do veganismo, ninguém poderia prever como este estudo viria a dominar a agenda e ficaria na cabeça daqueles que trabalham para (e contra) a protecção animal. No entanto, este estudo que conseguiu moldar a estratégia das principais Organizações Não Governamentais (ONGs)s e conquistar o público, não contou a história toda.
Este estudo, de uma organização bem conhecida e respeitada fundada em 2000, que suporta grupos de defesa de animais com as suas investigações rígidas, tornou-se viral. Até autores como Hal Herzog elogiaram este estudo, alegando que mostrava que os activistas pelos animais deveriam advogar pela redução do consumo de carne, e não pela redução.

Colorado celebra feriado dedicado ao dia sem carne

Este ano, o governador do Estado do Colorado declarou o dia 20 de março como “Dia sem carne”: uma forma de promover dietas sem carne entre os seus eleitores. A iniciativa começou em 1985 com o objetivo de dar a conhecer aos consumidores os benefícios de uma dieta saudável e vegetariana.

O que a carne e os ovos fazem ao nosso microbioma

Tal como o médico Michael Greger já tinha investigado antes, todas as pessoas que tenham TMAO – óxido de trimetilamina – na corrente sanguínea têm um maior risco de vir a ter um ataque cardíaco, um AVC ou mesmo morrer dentro de 3 anos. Isto aplica-se a todas as pessoas, quer sejam elas jovens ou mais idosas, homens ou mulheres, fumadores ou não; quer tenham pressão alta ou baixa, alto ou baixo colesterol, e até quer os níveis de TMAO sejam baixos ou altos.

Subscreve

a Newsletter

Não percas um grão do que se passa!